Rodeios.

Maio 2, 2008

Nossa…quanto tempo que não escrevo…eita

…vou escrever….na verdade já to escrevendo né…até idéias me virem na mente, vou escrevendo “nadas”. Porque parecem “nadas”, mas já preencheram três linhas! Normalmente é assim quando não se tem nada pra falar objetivamente, fica-se nos rodeios…assim como na escrita.

Mas pode-se tirar algo de bom dos diversos rodeios por aí. Por exemplo, esse rodeio, me fez lembrar das diversas vezes em que falar ou escrever podem se transformar numa tarefa árdua…as quais os rodeios são as entrelinhas, e o quanto se torce pra que alguém consiga as decifrar, ou não, depende…agora por exemplo, não há uma mensagem importante nas entrelinhas….só os rodeios mesmo.

Eu rodeio…mas tu rodeias também e nós rodiamos…o problema é quando eu não decifro, tu não decifra e, conseqüentemente, não deciframos as entrelinhas um do outro, daí fica difícil.